“Duas semanas depois do casamento ele me ligou, dizendo que tinha se arrependido, que queria conversar comigo”

Posted: | por Felipe Voigt | Marcadores:
Querido Ogro,

Estou numa situação patética e precisando de ajuda...

Bem, há uns cinco anos conheci um carinha na faculdade e começamos a sair. Ele tinha uma namorada. Até que um dia ele terminou com ela e começamos a namorar. O namoro durou oito meses, pois ele voltou pra ex que vivia atrás dele enquanto a gente namorava. Depois disso, voltamos e terminamos várias vezes porque ele me dizia que tinha terminado com ela porque me amava e queria ficar comigo, mas eu logo descobria que era mentira e a gente terminava.

Nesses anos de vai e vem, ele nunca me deixou em paz... Sempre me mandava mensagem, me ligava, mandava e-mail, sempre dizendo o quanto me amava. No começo desse ano (a gente estava sem se falar por uns cinco meses), ele apareceu dizendo que ia terminar de vez porque queria ficar comigo. Até que um dia ele sumiu e eu fiquei sabendo que ele casou. Sim, casou com ela. Morri de raiva, chorei... e duas semanas depois do casamento ele me ligou, dizendo que tinha se arrependido, que queria conversar comigo... e a babaca aqui foi.

Ele disse que me amava, mas que não teve coragem de terminar tudo assim. E desde março essa situação perdura: ele some porque a gente briga e logo aparece pedindo desculpas e dizendo que me ama. Na última vez que conversamos, dei um ultimato que não queria assim, não queria ser amante. E ele disse que faria o certo e ficaria comigo. Mas dois dias depois arrumou uma briga idiota e agora se recusa a falar comigo. Vai voltar a falar quando ele quiser e quando for conveniente pra ele, eu sei.

Isso já aconteceu mil vezes. Bom, o fato é que por alguma razão insana eu não consigo desapegar. Já fiquei com outros caras, mas não consigo levar nada adiante porque ele sempre aparece e acabo cedendo sempre. Acabei virando o que eu sempre critiquei: uma amante, idiota, que se submete a qualquer coisa pra ficar com um cara.

Preciso terminar isso, pois sei que ele não largar ela e além do mais nunca confiaria nele novamente, então não daria certo. Se eu não tomar uma atitude agora, sei que a situação será essa pra sempre, mas sinceramente, me faltam forças... Nem sei mais se o que eu sinto é amor ou se é coisa de ego mesmo... Se quero ele ou se só não quero que ele fique com ela. Bom, na verdade, a história é um pouco mais complexa... e louca. Se estiver interessado, até poderia contar ela toda. Não se você vai publicar, mas se for, pode me responder antes? O que eu faço ou como eu faço?
Minha cara estepe,

Você disse que a história é mais complexa do que isso, mas não preciso de mais detalhes pra entender o que se passa... Já percebeu o que fazemos quando trocamos pneus do carro? Deixamos aquele mais em condições de uso para servir como um estepe. Colocamos novos e o estepe fica lá, guardado no porta-malas, esperando que um dos novos fure. E é isso que você é: um estepe velho e guardado, mas que ainda serve pra dar uma volta...

E você não se desapega porque o desafio te excita. Você sempre terá pretensão de ser mais do que uma simples foda esporádica pra ele. Mesmo depois de cinco anos, essa pretensão só tende a crescer. Afinal, a vida te dá todos os sinais de que é pra você fugir dessa relação, mas você se julga maior e acha que sabe o que está fazendo. Só pra ter o gostinho de ser do contra. Pretensão pura!

Não há muito a falar sobre isso, há? Você já sabe que nunca será prioridade. O cara só te quer como uma foda e ponto. Por mais que tenham namorado uns meses e que haja toda uma história de anos, isso não muda esse fato.

Imagine: ele recém-casado, com todos os problemas do casamento começando a surgir (a lua-de-mel termina no motel), e tem uma buceta pra se enfiar quando estiver com a cabeça quente. Acha que ele vai abrir mão disso?

Termine tudo, corte todas as formas de contato (virtual, telefone, pessoal), sofra uns dias, fique com vontade procurá-lo mas não procure.... e logo estará se vendo envolvida por outra pessoa.

E, se ainda assim a saudade bater, vá pro banheiro e bata uma... Você está precisando ocupar suas mãos com outra coisa, qualquer coisa que não seja ele!

6 comentários:

  1. Lenita de Paula disse...
  2. História bem comum esta do estepe... Pior eh que a mulher sempre sabe quando eh um estepe, o problema eh que a gente acaba nutrindo a esperança de "agarrar" a fera... Mas posso falar? Essa coisa q se sente eh apenas vontade de ter aquilo q a gente sabe q nunca será da gente... De provar q se "eh foda"... Mas neste jogo a gente soh se machuca e acaba se achando uma merda, virando um poço de frustração... parta para outra!

  3. Carol Viana disse...
  4. Sinceramente, tem hora que venho aqui e acabo pegando muito do que é dito, (pelo Fê, nos comentários e nas histórias)para mim. Sempre aproveito algo.
    Só que seria egoísmo da minha parte, só pegar e não dar nada!
    Querida, vivi uma história parecida, de 4 anos. Ele não casou, mas uma das voltas ocorreu pq a ex-iô-iô engravidou.
    Doeu? Olha, demais. Já doeu o suficiente, qdo aconteceu comigo o que aconteceu com vc. Ele me deixar rpa voltar com a manipuladora.
    Demorou 4 anos e mais uns meses para q eu digerisse tudo da forma que é.
    De certa forma, ele sempre vai mexer comigo e tenho a vantagem de a criatura morar longe.
    Vivia como você... de migalhas, da volta dele, dos sumiços.
    Só que chega uma hora que não dá, não se aguenta isso.
    Concordo com o Fê ( e apesar de ter demorado pra fazer isso) que se tem que cortar tudo, qualquer contato.
    Eu tentava ser sutil, ele insistia, ligava, eu chorava, era fria, mas depois entendi que não adianta.. tem q se cortar o vínculo. Porque esperar que o " ser" tenha desconfiômetro e tome ele a atitude, é utopia e desculpa pra continuar na história, tendo um culpado.
    Pq a gente tem a pretensão de "vencer" a guerra, que na verdade é entre as duas mulheres e alimentada pelo homem que não quer ficar sem nenhuma das duas.
    Melhor, terminar isso e não perder mais tempo.. a sensação de quando se olha pra trás e se vê o tanto de energia desnecessária que se gastou com isso... nossa!
    Beijos!

  5. Lucia disse...
  6. Passei a mesma coisa que vc, eu simplesmente sumi da vida dele, mudei meu numero e nunca mais liguei pra ele....to sofrendo mas melhor sofrer sem ele do que com ele...este tipinho de homem é lixo, decha ele ficar com a mulherzinha dele mesmo, pq aceita as traições dele...

  7. Fernanda disse...
  8. Sei como é este sofrimento, meu caso foi meio parecido, so que ele já tinha um filho com a ex, vivia me dizendo que nunca ia voltar pra ela, que não sentia nada mais por ela quando namoramos por 8 messes, um dia do nada terminou comigo super frio, isto pq dizia que me amava, dai eu fui descobri tinha voltado para ela antes de terminar comigo, fala serio né?? Fiquei puta, chorei muito, so que ele trabalhava na mesma empresa que eu, e eu por mais que corria dele, sempre esbarrava com ele e ele dizia que me amava e iria terminar com ela que era questão de tempo, que estava com a cabeça quente quando voltou, eu idiota cai da nele, e acabei ficando por algumas vezes com ele, mas comecei a perceber que ele so queria mesmo me usar quando precisava, nunca fazia minhas vontades, cheguei a ligar pra outra pra falar que ele estava comigo tb, mas ela é cega não acreditou, foi até que um dia ele me provou claramente que não era nada para ele, na verdade sempre me mostrava isto mas eu não acreditava né?? A mulher dele começou a me ligar...enchendo o saco, eu nem atendia, ignorava pq não tinha medo dela, dai liguei pra ele e conte pra ele que ela estava me ligando...ele simplesmente disse para eu ligar no outro dia para ele que naquela hora ela estava chegando e não podia falar...blz liguei no outro dia o dia todo e ele não me atendeu...então eu fiquei com tanta raiva que mudei meu numero de celular e nunca mais liguei pra ele....to sofrendo . . mas se depender de mim ele nunca mais me ver e nem falar comigo, se ele me ligou eu não sei pq meu numero não existe mais, a única forma de falar comigo é vindo na minha casa, MAS NÃO FEZ ISTO.. eu é que não atrás preciso me valorizar, fiquei 3 messes nesta situação de amante, cansei....ele que fique com a outra que aceita tudo dele mesmo e seja feliz pq eu não quero ter um homem assim...

  9. Adriana Aroucha disse...
  10. Este comentário foi removido pelo autor.
  11. Anônimo disse...
  12. Comigo aconteceu algo semenhante, conheci um cara numa festa, ficamos e depois ele disse que tinha namorada mas não estava feliz...Decidi continuar com ele mesmo assim, isso durou uns 11 meses...ele vinha falava que tinha terminado com ela, transavamos, mas logo eles voltava e eele "terminava" comigo...se tornou um ciclo, até que da última vez que transamos ele disse pra gente nunca mais se ver...pois ela estava grávida e ele queria construir uma família e não queria que eu atrapalhace, o que eu poderia fazer???Disse que tudo bem chorei..sofri..entrei em desespero...quis procurar ele mas não fiz nada disso, um mês depois disso ele me procurou, não disse não em relação a ela...transamos e ficou nisso mesmo. Depois disso perdi o telefone dele e faz um bom tempo que não nos vemos. Apesar de tudo ainda gosto dele e se ele me procurasse com certesa eu ficaria com ele

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...